Seguidores

02 setembro 2009

A Lua Cheia e a Digestão!



Era uma inicio de noite... Noite de primavera... Bem, isso não vem ao causo.


O almoço foi algo bacana, para não dizer leve: feijoada, com arroz carreteiro, batata, gueiroba, couve, molho de pimenta quente (Pensa!), e de sobremesa doce de leite da roça com coca-cola para ajudar a comida descer.

Esse suculento prato me fez lembrar do processo de digestão, como professor, costumo dividir o processo digestório em seis partes, todavia é bom lembra que se trata de um processo contínuo:

Parte I - O início do processo digestivo se dá na boca, com a mastigação, isso mesmo é uma digestão mecânica dos alimentos são “quebrados” em partículas menores. A trituração e umidificação do alimento, (com o auxílio da saliva, que possui a enzima chamada ptialina, age em pH neutro, coisa e tal) o transforma em bolo alimentar. É nesta etapa do processo que se inicia a quebra do amido, um tipo de açúcar (carboidratos).

Parte II – Da boca o bolo alimentar vai para a faringe (pequeno tubo comum ao aparelho digestivo e respiratório) está junta a ossos e cartilagens que auxiliam na deglutição (ato de engolir).

Parte III - Depois de passar pela faringe, o alimento se desloca por um tubo alongado e muscular chamado esôfago. O bolo alimentar é empurrado pelo esôfago por meio dos movimentos peristálticos (noutra aula falo sobre esses movimentos), que nada mais são que contrações musculares.

Parte IV - Ao final do esôfago encontra-se o estômago, (como diz minha vó: “estambo”) - o órgão mais popular quando o assunto é digestão, que tem formato de bolsa. No estômago começa a quebra das proteínas e gorduras, lembrem-se que o pH do estômago é ácido, por isso sentimos queimação quando vamos vomitar.

Parte V - Logo depois do estômago, está a porção duodenal do intestino delgado. No intestino delgado é continuada a quebra das proteínas e carboidratos, além da absorção dos mesmos pelo organismo.

Parte VI - Na seqüência dos órgãos, o intestino delgado é seguido do intestino grosso. Nele é feita a boa parte da absorção da água que existe nos alimentos. É também no intestino grosso que o bolo alimentar vai se transformando em fezes, que é todo o material não absorvido pelo organismo e que será eliminado.


Parte VII - Chegamos ao final do processo digestivo: depois do intestino grosso, as fezes passam pelo reto, um canal que se abre no ânus, orifício por onde as fezes serão eliminadas, nesse momento elas conquistam sua liberdade, e em conseqüência o mundo.


Ufa! Após essa aula sobre digestão, voltarei na lua cheia.


Tive que sair do laboratório onde trabalho apenas para colocar o carro mais perto da saída, como eu ia sair tarde, e como sempre atrasado, não queria perder tempo de ir pegar meu carro, que para falar a verdade tava mais perto de Goiânia do que do laboratório, passei meu crachá liberando a catraca, e quando olhei para o alto, era próximo das 19:00 horas e lá estava ela, a linda lua cheia, imensa e brilhante, é aquele momento em que a lua parece tomar conta do céu, está baixa e simplesmente bela, continuei contemplando a lua, quando na metade do caminho sentir minha barriga fazer um barulho estranho...


Pensei: Corro para o laboratório ou para o carro? – me lembrei que perto do carro tinha umas moitas, mas não precisei recorrer a nenhuma delas.


Estacionei meu carro na vaga, quando sai de dentro senti aquele barulho novamente, e aquela leve sensação: Meu processo digestivo está na parte VII, isto mesmo, próximo ao término do trabalho, acelerei meus passos mais que depressa, quando passei pela catraca, vi a linda morena de olhos azuis, que estava passando uma temporada no laboratório, ela sempre ficava ali na porta e apenas sorria de forma educada sem dar motivos para papo, fiquei sem jeito de passar por ela devido minha pressa, devido aquele modo de correr que denuncia qualquer um, e para disfarçar disse a ela:


-A lua está linda, não é?


Ela me respondeu com um jeito sedutor:


-Está linda, apaixonante.


Era o que faltava para rolar um papo, um lance e etc e tal... porém...
Continuei precisando de um banheiro, fiquei por lá uns 20 minutos, e quando sai, ela já tinha ido embora, para nunca mais faltar.


Das setes partes em que divido o processo de digestão, eu estava na sétima parte logo aquele dia, logo naquele momento.


Hunf!

2 comentários:

Vivian Sbrussi disse...

Passei por aqui!

.♥♡♥*´¨
       .♥♡♥*´¨   Olá...
             .♥♡♥*´¨
◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀◀▶◀▶◀▶◀◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶

♥Aprendi com o tempo que...

“Às vezes,
é preciso esquecer um pouco a pressa
e prestar mais atenção em todas as direções
ao longo do caminho...
A pressa cega os olhos.
E deixamos de observar
tantas coisas boas e belas
que acontecem ao nosso redor.

Às vezes,
o que precisamos está tão próximo...
Passamos,
olhamos,
mas não enxergamos!
Não basta apenas olhar.
É preciso saber olhar com os olhos,
enxergar com a alma e
apreciar com o coração..."

(autor desconhecido)

  εїз  ღViViAn\\(^_^)// Sbrussi   εїз
          εїз          εїз
  ω ω ω  ω ω ω   ω ω ω  ω ω ω
,,,~\\\\\\//////~,,,,,~\\\\\\l/////~,,,,,,


◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶ ◀▶◀▶◀▶◀▶◀▶◀◀▶ 
       .♥♡♥*´¨
               .♥♡♥*´¨
.♥♡♥*´¨    Bjuuus no seu ♥ !!!

Vivian Sbrussi disse...

Olá!!!
Td certinho?
A sua presença é muito especial em meu blog!
Por isso vim lhe oferecer um selinho, Este Blog Tem o Brilho do Sol:

link:
http://viviansbrussi.blogspot.com/2009/09/selo-este-blog-tem-o-brilho-do-sol.html

Um ótimo domingão!
bjoooo
=D